Grand Slam de Tóquio


Atual judoca número 2 do mundo na categoria meio-leve (até 66kg), Charles Chibana disputou nesta sexta-feira (5) sua última competição internacional com a Seleção Brasileira em 2014, o Grand Slam de Tóquio.

O brasileiro entrou no tatame na primeira fase para lutar diante do esloveno Adrian Gomboc, atual número 54 no ranking da Federação Internacional de Judô. Em uma luta dura, Chibana acabou sendo derrotado ao receber um ippon com 4min09s.

“Não lutei bem, não estava me achando na luta e ele foi melhor que eu, soube aproveitar meus erros! Isso é o judô. Agora é torcer pelos companheiros e focar em 2015”, explicou o judoca após a derrota. A medalha de ouro da categoria ficou com o japonês Hifumi Abe, que na final venceu o israelense Golan Pollack.

O primeiro dia de competições em Tóquio teve também a medalha de bronze conquistada por Rafaela Silva. No segundo dia, o Brasil será representado por Alex Pombo (73kg) e Victor Penalber (81kg). As lutas começam às 22 horas desta sexta no Brasil e o bloco final às quatro da manhã de sábado. O SporTV, o Bandsports e o Esporte Interativo transmitem.

Charles Chibana tem apoio de Ministério do Esporte, Confederação Brasileira de Judô, Esporte Clube Pinheiros, New Millen e Exército Brasileiro.

Foto: Marcio Rodrigues/MPIX/CBJ


Compartilhe essa notícia: